Pular para o conteúdo principal

Máscaras sociais, pra quê?


Eu acredito que nem todos vestem a tal "máscara social". Aqueles que mostram o que são e aquilo que pensam recebem o rótulo de "gente grossa", "gente chata"; "gente sem educação". E outras adjetivações que não precisamos dizer agora.

Quem se mostra como realmente é, prefere sofrer com a frieza da sociedade que ignora as verdades do coração do que colocar a "máscara social". Sentem-se melhor agindo com o espírito livre do que estarem amarrados às regras do "politicamente correto".

A filosofia do “politicamente correto” é a maior produtora de máscaras sociais que conheço!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Arrisque-se! Arrisque-se?

Arriscar-se? Eu conheço dois tipos de riscos: o calculado e o incalculável.

No primeiro tipo você vai sabendo que pode chegar aonde quer e ser feliz lá, e se não conseguir alcançar o objetivo tem o controle do que pode perder com o resultado negativo. No segundo caso, tudo é uma aventura, o planejamento é mínimo ou nem existe, chegar aonde deseja é questão de sorte, e o custo por não chegar é tão grande que transforma a vida para muito pior do que era antes de a aventura começar, e às vezes as mudanças são irreversíveis.

O dia caótico de quem vive com depressão

Podemos definir a depressão. É uma doença curável.

Se você padece com este mal, busque ajuda.

Sintomas de quem vive deprimido: a enfermidade se caracteriza por mudanças no humor e pela perda de prazer em atividades.


Faça sua declaração de amor hoje

É incrível como é grande o número de pessoas que gostam de outras, mas não conseguem expressar isso em palavras. E em pior situação que estas, estão aquelas que gostam e não traduzem este seu gosto em boas ações que representem isso. Gostam, entretanto se fazem de indiferentes; gostam, porém, maltratam. A vida é curta demais para deixar de demonstrar e dizer claramente que ama! Amor pelos pais, filhos, avós, irmãos, amigos, namorado, namorada, marido, esposa.

Declare-se hoje para quem você ama ou renove aquela declaração, que de tão antiga já está esquecida e desacreditada.
E.A.G.